quarta-feira, 27 de setembro de 2017

TRISTE ENGANO



Não ! Não era a luz do por do sol. Era o fogo queimando a serra.

O pássaro que tentou voar,não era fênix ressurgindo das cinzas. Era um gavião com as asas em chama…

Eu atônita, perplexa e paralisada.
A Terra gemendo de dor e as labaredas avançando como um exército desorientado. Contive os gritos, e na minha impotência muda, pude escutar a arvores pedindo socorro.

Como pode acontecer ? Aonde começou ? Em que momento ?

Observo o verde se tornando cinza e depois preto como carvão.
 Compreendi ,no meio da tragédia , o significado real das palavras  “natureza morta “
  Ajoelhei em prece e súplica, não para pedir chuva,mas para pedir perdão aos milhões de elementais que desfaleciam sem vida, engolidos pela fúria avassaladora das impiedosas salamandras ígneas.



                                            Maria da penha Boselli* / Maat* 2017
             

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

#morfeulevaeu


             HOJE SOU LUA MINGUANTE
 

bexiga murcha
flor caída
to mais pra copo de requeijão do que taça de bacará
fininha...cansada...sem brilho e minguada

# morfeulevaeu
fui !

                                                  Maat* 2017


quarta-feira, 16 de agosto de 2017

ISOLAMENTO

Estou perdendo a paciência
com mídia e televisão
notícias sensacionalista
comentários inúteis e obstrução

   Não me envolvo com grupos e encontros
   que se sustentam por sedução
   conversas que corrompem assuntos
   comentarios pautados na má intenção

      Cada vez me isolo mais
      da vida regada a frivolidade
      prefiro o silencio do quarto
      do que os desvarios da sociedade
                        
                                            Maat* 2017

terça-feira, 15 de agosto de 2017

SERÁ ?

Será que vai ter briga?

Será que vai ter discussão ?

por causa da comida ?

por causa da televisão?

     Será que saio do quarto ?

     
Será que finjo não estar ?
     
Vou rezar  com muita fé
     
de que hoje ninguém vai brigar

          Haja paciência Senhor !


          com farpas trocadas no ar
          nem na cozinha eles se entendem

          
quando estão juntos para jantar


                  
                                       
MAAT* 2017

EU QUERIA

Queria que Deus calasse minha boca, para que meu coração pudesse falar
que tampasse meus ouvidos, para que minha alma pudesse escutar

     Queria enxergar com os olhos, que veem além do véu
     não com os olhos comuns, que não enxergam as coisas do céu

           Vou calar os sentidos do corpo que embaçam a conexão
           libertando minha alma atada, o terceiro olho e o coração


                                   Maat* 2017

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

BIOGRAFIA

RETROSPECTIVA
 

Pensando nas vidas que tive.Aquelas que começo a lembrar. Fui donzela,fui fidalga,fui rameira. Fui escrava,fruta doce do pomar.

Fui amiga de sinhá cheia de sonhos,que virou freira só pra não poder casar.
Dancei muito no terreiro e na fogueira,fiz amor a noite inteira sem parar.

Assei peixe na folha de bananeira e fiz doce lá no tacho do quintal : 
goiabada,marmelada e ambrosia,para fidalgos que vinham no sarau

Sobremesas e docinhos fiz de monte : cocada mole e bolo branco com cajá
Guloseimas confeitadas com amor,para deleite do senhor e da sinhá.

Amamentei os bacuris lá da fazenda,dos cabritinhos da patroa fui babá. Muita gente anos depois me procurava,pra benzer,curar inveja e mau olhar.

Hoje sou mulher sozinha e letrada. Sem patrão,marido besta e coroné. Nessa vida trouxe dons já conhecidos : benzer doente e ler borra de café.

                     


                                                                        Maat* 2017


terça-feira, 8 de agosto de 2017

EU E A NOITE

MAIS DE MEIA NOITE
EU EM PAZ SÓZINHA NO QUARTO
RECHEANDO O TRAVESSEIRO
COM SONHOS QUE ESTÃO EM AGUARDO


     

NA LUZ DO ABATJOUR BEM SUAVE
     MEDITO NA VIDA E O PASSADO
     OS MEDOS QUE SUPEREI
     MEU PROGRESSO E MEU EGO CURADO

          COMO É BOM O SILENCIO DA NOITE
          MESMO QUANDO ESTAMOS CANSADOS
          A PAZ DA MISSÃO CUMPRIDA
          NOS DEIXA DORMIR SOSSEGADOS



                                                                         Maat* 2017